O 25 de Abril permitiu que tantas coisas pudessem ser escritas e ditas e mostradas e cantadas... porque não celebrá-las então? Porque não deixar o Salazar para outra altura? Ou deixá-lo, simplesmente? Porque temos que o compreender além do que é sabido? Para aceitar? Para o louvar?

Que tal regozijarmos-nos antes com o facto de podermos ler livremente D. H. Lawrence, Henry Miller, Urbano Tavares Rodrigues, Miguel Torga, Jorge Amado, Vergílio Ferreira, Natália Correia e tantos outros autores que viram parte ou a totalidade da sua obra riscada ou, pior ainda, condenados e castigados pela censura de antes do 25 de Abril por essas obras terem cariz revolucionário, erótico, comunista ou o teor que mais lhes conviesse censurar?
E já agora que tal ouvir um pouco de Sérgio Godinho ou Zeca Afonso - ou Zé Mário Branco! - para arejar as ideias e termos a certeza de que quem ficou para trás ficou lá mesmo?

2 Comments:

  1. Biby Cletus said...
    Nice post, its a really cool blog that you have here, keep up the good work, will be back.

    Warm Regards

    Biby Cletus - Blog
    Anonymous said...
    This biby not know one good coments! This coments is igual, coments is the same for many other blogs. Look at internet by name Biby Cletus
    bye.

Post a Comment





Copyright 2006| Templates by GeckoandFly modified and converted to Blogger XNL by Blogcrowds and tuned by Bloom * Creative Network.
No part of the content of the blog may be reproduced without notice and the mention of its source and the associated link. Thank you.